10.1.11

mas eu vivo pra sentir.











é preciso entender as artimanhas do tempo: 
a hora certa sempre chega.










'desculpa, nada é pouco quando o mundo é meu!' |clarice lispector|

18 comentários:

  1. Estou esperando essa hora certa chegar...

    Beijos!
    ;*'s

    ResponderExcluir
  2. Renata querida,
    é sempre bom que alguém nos lembre dessas sábias palavras. É sempre uma delícia passear por aqui.
    Um beijo, com carinho
    Denise
    Feliz 2011, com saúde e paz.

    ResponderExcluir
  3. Tomara, porque esperar demais cansa...

    Teu blog é uma graça, estou seguindo*

    ResponderExcluir
  4. A hora certa
    Na certa
    Está por ali sempre alerta
    Às possibilidades a serem abertas
    Seja por um calo que aperta
    Ou por vontade que desembesta
    Que quando a vida te acerta
    Ô vida incerta
    A hora é esta...

    ResponderExcluir
  5. Estava pensando no tempo ainda agora. E dentro de mim, de um domingo cansado, pensei: será que o tempo cura tudo? Fiquei com isso na cabeça, e acho que não encontrarei resposta. Mas se tivesse que arriscar, diria que sim, que cura. Afinal, nada melhor que o tempo para afastar um sofrimento..

    ResponderExcluir
  6. Das artimanhas eu pouco entendo, certas vezes me vejo no fundo total do tempo, esgoto paciência.Dai ele vem, e mostra o porque de tantas reviravoltas.
    Beijô

    ResponderExcluir
  7. Meu deus que SAUDADE daqui (L)

    Pura felicidade esse teu post, exatamente como tenho me sentido.

    ai querida , que coisa mais doce isso, palavras de Clarice bem ao rodapé da página

    :* Um grande beijo

    ResponderExcluir
  8. e quando chegar, aproveite ao maximo!

    beijo!

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?
    Por favor, TODOS OS TEXTOS DESSE BLOG SÃO MEUS http://danilocechinatto.blogspot.com/
    ME AJUDE! DEIXE UM COMENTARIO PARA QUE O MESMO SEJA EXCLUIDO.
    PLAGIO É CRIME, E VC COMO ESCRITOR DEVE ME ENTENDER!!
    OBG, LUARA!

    ResponderExcluir
  10. Eu quero muito que a minha chegue. Acho que talvez tenha atrasado o relógio.

    Moça,

    Saudades daqui. Fico tão em paz. É tão bonitoleveclarinho.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  11. e a delícia de provar isso com a própria vida/corpo/existência?!

    =D

    bjo-te, lindeza!

    Tatá.

    ResponderExcluir
  12. "tempo tempo mano velho falta um tanto ainda eu sei pra você correr macio..."

    sempre.


    abreijos.

    ResponderExcluir
  13. E como é preciso! lindo demais isso.

    ;*

    ResponderExcluir
  14. é o que me conforta.

    vc como sempre, passam-se os meses , eu sumo, e quando volto, a delicadeza tá sempre aqui me esperando.

    ResponderExcluir
  15. ai que saudade daqui!

    apareça mais pra me fazer sorrir com posts como estes (L)

    Beijos flor

    ResponderExcluir
  16. jogar contra o tempo não é ser inteligente...se assujeitar a td que vem dele é sinal de procedimento insensato...

    forte abraço.

    ResponderExcluir

- detalhe aqui.